Começarei a postar alguns dos meu textos, letras de músicas ou apenas coisas que sinto e que em momentos de inspiração passei e passarei para o papel. Então começo a série: “MEUS TEXTOS” com um texto que escrevi em janeiro de 2008 que fala da condição ou falta de condição de ter o amor de Deus

doutores-da-alegria02

SEM CONDIÇÃO

Qual a condição pra ter o teu amor?
No calor, no frio, estando longe ou estando perto,
Em qualquer direção e pra sempre.
Qual a condição pra ter o teu amor?
Infinito, lindo e sem interesses
Amor puro, vivo e entregue.
Qual a condição pra ter o teu amor?
Incondicional, por inteiro e por mim
Sem merecer, com meus erros, como sou.
Qual a condição pra ter o teu amor?
Não há condição pra ter aquilo que já tenho
Nao há como perder o que me foi dado sem querer troca.
Recebeu minha vida, gratidão e carinho pelo amor que recebi do proprio amor.
Vou amar, amar muito, com todas minha forças, com tudo que sou,
E fazer o que esta em teu coração.
O teu amor é sem condição.

Caio Cuadrado

EU ADMIRO O MEU JESUS

Publicado: 08/03/2009 em Uncategorized

cruz

A cada dia que passa eu admiro mais meu Jesus.

Imagino o quanto Ele sofreu e sofre até agora, quanta reijeição, ingratidão de quem Ele mesmo criou e mesmo assim Ele ainda morreu por nós.

Hoje acordei um pouco pensativo em relação as pessoas que são ingratas com outras pessoas, que viram as costas para outras pessoas, porque isso acontece? Porque sempre têm que ser melhor do que as outras ou se alguém não supre a necessidade que aquela pessoa tem ele descarta?

É dificil, aceitar isso com o meu coração humano e o pior se eu não cuido do meu coração posso fazer a mesma coisa, pois sou humano, pecador e tenho um coração enganoso. Mais como cuidar do meu coração pra não cair nessa cilada e não me irritar com pessoas que fazem isso?

O segredo é viver como Jesus, Ele sim sabe lidar com isso, Ele sim tem o verdadeiro amor e compaixão.

Renunciar, deixar o que eu quero e penso, os meus pensamentos negativos e

É não viver de aparências, rótulos, esquemas criados pelo homem, mais viver o que realmente somos aceitando o seu  ridículoque cada um de nós tem e o que é o que somos.

ENTREVISTA PARA COMEJE

Publicado: 04/25/2009 em Uncategorized

EVANGELISMO COM ARTE E RESPONSABILIDADE

100_27274

Nome: Caio Vinicius Cuadrado Garcia
I
dade: 12/09/1981
Estado
Civil: Casado
Chamado: Artes
em Missões
Onde Mora:
Mogi das Cruzes

Versículo: “Mas, como está escrito: As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu, E não subiram ao coração do homem, São as que Deus preparou para os que o amam.” – I Co 2:9

Artista é a melhor palavra para defini-lo. Missionário em tempo integral, Caio Cuadrado divide seu tempo em diversas atividades ministeriais. Junto com sua esposa Carina, tem desenvolvido trabalhado missionário através das artes, seja com música, teatro, dança e até palhaçada.
Formado pela JOCUM, trabalhou em diversos projetos no Brasil e Exterior. No momento está fazendo um trabalho missionário na COMEJE, atuando como com crianças e jovens através de expressões artísticas.
“Voltei (da JOCUM) pra continuar fazendo missões e entendo que aqui é o meu campo missionário” afirma Cuadrado.

Boletim COMEJE: Caio, para ser missionário é necessário muita renuncia pessoal. Como você percebeu seu chamado para Missões?
Caio Cuadrado: Meu interesse foi algo que Deus colocou em meu coração desde de pequeno. Lembro que equipes da JOCUM visitaram a COMEJE e o trabalho deles me motivou, fazendo crescer o desejo de me envolver com missões. Sempre que via o trabalho desses missionários, tinha vontade de fazer o mesmo. Até que orei a Deus sobre esse me desejo e pedi para que Ele mexesse na mi¬nha vida e assim muita coisa foi acontecendo, o que me deixou livre para tomar a decisão. Em janeiro de 2003 fiquei 15 dias em um impacto evangelístico em Guaratuba, litoral do Paraná. Alguns dias depois já estava fazendo ETED (Escola de Treinamento e Discipulado) na JOCUM.

BC: E como foi esse pe¬ríodo na JOCUM? Quais as atividades você realizou como missionário?
Caio Cuadrado: Assim que me formei na JOCUM decidi ficar por lá. Após isso, conheci a minha esposa Carina e em 2005 nos casamos. Com isso, nos mudamos para outra base da JOCUM situada na cidade de Almirante Tamandaré e iniciamos um trabalho com a “Cia. Arte7”. Fomos a uma reserva indígena no Maranhão. Viajamos para a Alemanha durante a Copa do Mundo, participamos de atividades artísticas e evangelísticas nos Jogos Panamericanos no Rio de Janeiro e em festas do Peão em Barretos. Em 2008, retornamos para Mogi e es¬tamos trabalhando para a Comunidade.

BC: Após a “J.Raboni”, quais são seu projeto na área da música?
Caio Cuadrado: Atu¬almente estamos em um novo projeto bem diferente da banda que tínhamos há 10 anos. A INFLUA é uma banda com o objetivo de estar nos meios das já bandas famosas e influenciá-las assim como a toda uma geração, que está em busca de um referencial.

BC: Conte como seu trabalho no “Hospitale¬gria”.
Caio Cuadrado: O hospitalegria é um grupo de doutores palhaços que tenta mudar o ambiente hospitalar em que as pessoas estão pra um mundo totalmente diferente da realidade. O clown (palhaço), busca tudo aquilo que é bom e nunca o que é ruim, ou seja, um suporte de soro pode ser um microfone e o gesso no pé , uma bota. Com ingenuidade e verdade passamos a alegria para aqueles que estão ali. Sou voluntário em um grupo de 12 integrantes, e atuamos pelo menos uma vez por semana na Santa Casa de Mogi e no SUS. Eu amo essa expressão artistica, e tenho como meta ser um ótimo clown, pois quero usar a inocência e força do palhaço pra influenciar vidas.

BC: Atualmente quais são as suas atividades ministeriais?
Caio Cuadrado: Hoje sou o coordenador do projeto Jequitibá. Na igreja sou líder de jovens, integrante do grupo de teatro e também tenho participado dos cultos in¬fantis, na organização e fazendo algumas pregações diferentes voltadas para crianças. Voltei (da JOCUM) pra continuar fa¬zendo missões e entendo que aqui é o meu campo missionário.

BC: Qual a influen¬cia da COMEJE em sua vida?
Caio Cuadrado: Na CO¬MEJE foi onde eu aprendi a me relacionar com o Espírito Santo e me tornar um Cristão comprometido com Deus, mesmo sendo falho e pecador. Vivi muita coisa na COMEJE e amo esse ministério.

BEM VINDO

Publicado: 04/25/2009 em Uncategorized

Ola este é meu blog, e aqui postarei algumas coisas que tenho realizado através da arte, publicarei alguns textos que escrevi e também informações e acontecimentos do mundo. Seja bem vindo e fique a vontade de fazer seus comentarios.